Notícias

Processo Administrativo Eletrônico é apresentado a órgãos e trâmite eletrônico de documentos inicia em julho.

19/05/2016 - Fotos/João Di Pietro/Governo do Tocantins Texto/ Mara Santos e Joésia Cardoso/Governo do Tocantins

A equipe da superintendência de Tecnologia da Informação (STI) da Secretaria do Planejamento e Orçamento (Seplan) já levou informações sobre o Projeto de implantação e adoção do Processo Administrativo Eletrônico no Estado do Tocantins (PAE) a servidores de 32 órgãos públicos do Estado. Nesta quinta-feira, 19, o Projeto foi apresentado aos gestores da Secretaria Geral de Governo e Articulação Política e da Secretaria da Fazenda (Sefaz). Durante a reunião, os servidores acompanharam atentos às explicações sobre o PAE, um procedimento que permitirá a tramitação no formato digital de documentos e processos administrativos entre os órgãos da administração direta e indireta do Estado com o objetivo de modernizar, dar segurança e maior transparência no serviço público, além de trazer economia, agilidade e eficiência para a gestão estadual. Na reunião, ficou certo que seria criada uma Comissão Interna da Sefaz com os representantes dos seguintes setores; Tributário, Financeiro, Administrativo, Tecnologia da Informação (TI), Licitação e Contabilidade da Sefaz. Para o superintendente da TI da Sefaz, Edes Divino, o Processo Administrativo Eletrônico, dará celeridade ao trâmite de documentos da Pasta.   “ O PAE vem ao encontro do novo redesenho da Secretaria da Fazenda proposto pelo Programa de Modernização da Administração Tributária (Profisco) e nós recebemos com  entusiasmo, pois a finalidade é a otimização do nosso trabalho, principalmente, para as nossas regionais que ganham tempo e rapidez nos trâmites dos processos”, explica o superintendente da TI da Sefaz. Segundo o superintendente de Tecnologia da Informação da Seplan, Stanley Carlos Novais,  em junho, as apresentações e a preparação dos multiplicadores irão ser concluídas. “ Terminada esta etapa, a partir de julho, será possível o trâmite de forma eletrônica de alguns documentos oficiais entre os órgãos públicos”, afirma o  superintendente da TI da Seplan.

 

Fonte: www.seplan.to.gov.br

Compartilhe esta notícia